Pressão alta e pressão baixa, o que é mais perigoso?

postado em: Blog | 0

 

DICA RGA – Salto/SP

 que é mais perigoso: pressão alta ou baixa?

O número ideal quando fala-se em pressão arterial é o 12/8; acima de 14/9 é alta e menos de 10/6 entra na categoria de baixa.

Segundo os médicos, o que determina a gravidade entre pressão alta e baixa é o sintoma do paciente, ou melhor, o “não” sintoma. Se em ambos os casos – alta ou baixa – os pacientes não tiverem sintomas algum, os especialistas informam que a pressão alta sem sintoma pode ser mais prejudicial, com o passar do tempo, do que a baixa.

Os pacientes com pressão alta podem ter fortes dores de cabeça, convulsões, náuseas, vômito e turvação visual além de falta de ar, tosse e dor no peito, que também podem significar, clinicamente, um infarto ou edema agudo pulmonar.

A queda da pressão costuma causar tontura, fadiga, sonolência e pele fria.

Vale lembrar que alteração na pressão, tanto baixa quanto alta, deve ser diagnosticada por médicos especialistas e de forma rápida.

Deixe uma resposta